Turbulência em avião provoca o pânico

Turbulência em avião provoca o pânico e arremessa hospedeira de bordo contra tecto.

Imagens captadas dentro do avião mostram um carrinho com comida e bebidas, incluindo chá e café quentes, a voar e a cair em cima dos passageiros. É possível ouvir também as pessoas a gritar e a rezar.

Os passageiros de um voo da ALK Airlines, que fazia a ligação entre o Kosovo e a Suíça, viveram momentos de pânico, quando o avião foi atingido por uma forte turbulência.

Viajar de avião, apesar de ser um meio de transporte muito seguro, é sempre complicado para algumas pessoas.

Principalmente porque o auto-domínio sobre a nossa vida não está nas nossas mãos…
Todos sabemos que quando acontece um acidente com um avião poucos, ou nenhuns, são aqueles que viveram para contar a história…

​Estudos internacionais referem que cerca de um terço (entre 20 a 40%) da população adulta tem medo de viajar de avião. E, diz a voz popular com a sua ancestral sabedoria, “se Deus quisesse que o homem voasse, tinha-lhe dado asas”.

Turbulência avião provoca o pânico

A verdade é que viajar de avião é, para todos os efeitos, uma situação anti natura, que produz na maioria das pessoas uma excitação e um nervosismo compreensíveis.

A aceleração, a velocidade, a altitude, a vibração e os ruídos característicos do avião, são estímulos que activam naturalmente o sistema nervoso, desencadeando sensações físicas que são perfeitamente normais.

O simples facto de não ser uma situação de rotina, pois nem todos os dias fazemos viagens de avião, pode ser o suficiente para deixar a pessoa mais stressada. O fazer as malas, as despedidas no aeroporto, a pressão do tempo, os atrasos, a confusão de gente, as filas, a perda de ligações, a posição de sentado durante várias horas, a mobilidade reduzida, tempos de espera sem nada para fazer, a incerteza quanto ao que vai acontecer no destino, etc, são condições que podem produzir uma tensão emocional que é não só compreensível como natural.

Quem viaja frequentemente de avião já parou de contar as vezes em que a turbulência abana o avião, visto que é bastante comum acontecer.

ALK Airlines - Turbulência avião

Imagem: wikimedia

Existe também pessoas que sofrem de aerofobia.

Aerofobia

O medo de voar começa a condicionar a vida das pessoas e a tornar-se um problema quando a irracionalidade domina a situação e a viagem passa a ser uma fonte de ansiedade e sofrimento que a pessoa não controla. As definições médicas mais correntes definem a aerofobia como um medo acentuado, persistente e excessivo que surge quando a pessoa é confrontada com a perspectiva de viajar de avião. A exposição a este estímulo fóbico provoca quase sempre uma reacção de ansiedade – nalguns casos pode atingir o ataque de pânico – que o indivíduo reconhece como desproporcionada e que produz um enorme transtorno e interferência na sua vida pessoal, profissional, social ou familiar.

De volta à história…

A turbulência começou cerca de 30 minutos depois da descolagem e prolongou-se durante cinco minutos.

As pessoas começaram a gritar e chorar. Uma da assistente de bordo largou o carrinho da comida, que bateu tecto. Os copos voaram e alguns passageiros ficaram queimados com a água quente”, contou uma das passageiras ao jornal suíço Minuten.

Depois de aterrarem em Basileia, nove pessoas foram transportadas para o hospital, com feridos ligeiros.

Imaginem que eram vocês naquele avião… Medo! Muito medo.

Turbulência em avião provoca o pânico, vídeo:

Para mais diversão, segue os links:

Se o vídeo já não estiver disponível, entra em contato, obrigado.

Deixa o teu comentário, não precisa de registo

error: